8 de fevereiro de 2016

Modelo que tentou protesto com tapa-sexo contra Dilma é expulsa de escola em São Paulo, veja o vídeo


No Twitter, um dos assuntos mais comentados de ontem para hoje foi a expulsão da modelo Ju Isen do desfile da Unidos do Peruche após a modelo ter retirado a parte de cima da fantasia. Na concentração, ela estaria disposta a entrar na avenida usando um tapa-sexo de protesto contra a presidente Dilma Rousseff, mas teria sido demovida da ideia por integrantes da escola. Já durante a evolução da Unidos do Peruche, Ju Isen tirou parte da roupa e acabou sendo obrigada a se retirar da avenida.

Em entrevista ao UOL minutos antes do desfile, Isen contou porque queria usar o tapa-sexo. “A minha fantasia é a repudia que todos nós brasileiros temos pela presidente da República, por toda a corrupção, falta de segurança, falta de escola, falta de hospitais. Eu vim realmente para manifestar”.

As madrinhas e rainhas de bateria Sabrina Sato (@SabrinaSato) e Dani Bolina (@Dbolina), assim como a atriz homenageada Claudia Raia, foram as campeãs de comentários no Twitter durante os desfiles das escolas de samba do Grupo Especial de São Paulo, realizados nos dias 5 e 6 de fevereiro, no Sambódromo do Anhembi. Entre as escolas, as que geraram mais Tweets foram Gaviões da Fiel (#Gaviões), Unidos do Peruche (#Peruche) e Vai-Vai (#VaiVai).
Os maiores picos de conversas sobre os desfiles das escolas de samba do Grupo Especial de São Paulo no Twitter foram às 22h59 de sexta-feira (5), quando a Pérola Negra entrou na avenida, às 23h50 também de sexta, no fim do desfile da escola, e à 0h55 de sábado (6), quando a modelo Dani Bolina desfilou para a Unidos da Vila Maria.
UOL
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Portal Coronel Ezequiel

Copyright © Portal Coronel Ezequiel |